Cenários e Produtos

jagua

O projeto deverá resultar na produção de propostas de intervenção para dois cenários possíveis.

Cenário 1 – Cenário Tendencial

Como se comportará a bacia numa situação “Bussines as usual”

  • Estabelecer um horizonte de projeto (20 ou 30 anos)
  • Efetuar projeções de crescimento populacional considerando: população de saturação como limite; uso do solo conforme legislação de zoneamento recentemente aprovada; implantação dos Parques aprovados; grandes projetos de incorporação imobiliária em aprovação, entre outros.

Cenário 2 – Cenário Planejado

Como se comportará a bacia em uma situação desejada/possível- com metas de revitalização (qualidade, quantidade e paisagem) a serem definidas no projeto

  • Definir metas de desempenho desejadas e quais as estratégias, instrumentos técnicos, sociais, jurídicos e institucionais necessários para atingi-las.
  • Dentre as ferramentas necessárias e factíveis para efetivação das metas estabelecidas, dentre as quais: revisão do zoneamento; implantação dos parques desejados; urbanização de favelas; retrofit de infraestruturas existentes.

Para este cenário, deverão ser desenvolvidos:

Produto 1 – Qualidade da água e da paisagem urbana

  • Caracterização do esgoto acidental no sistema de drenagem e da carga difusa oriunda da lavagem das tubulações que recebem o esgoto acidental, da lavagem da superfície (difusa legítima) e de resíduos sólidos oriundos de manejo inadequado.
  • Avaliação da paisagem urbana para aplicação de tipologias de infraestrutura verde, implantação de parques lineares e trama verde-azul.
  • Dimensionamento dos dispositivos de tratamento da difusa e dos espaços para tratamento in situ da parcela que não vai ser coletada temporariamente do esgoto acidental.

Produto 2 – Drenagem urbana

  • Proposição de soluções quantitativas para a drenagem urbana, com a avaliação do impacto da utilização de medidas de controle na fonte, medidas compensatórias, medidas mitigadoras.

Produto 3 – Organização institucional

  • Proposição de medidas a serem adotadas para que as propostas tenham viabilidade.
  • As medidas de controle na fonte, para redução de quantidades, medidas relacionadas com tratamento in situ e controle da poluição difusa serão levadas à Prefeitura, concessionárias, agência reguladora, sociedade civil organizada e demais atores atuantes na sub-bacia.

Produto 4 – Projeto piloto

  • Detalhamento das intervenções urbanísticas e dos dispositivos e estruturas propostos com as respectivas estimativas de custo de implantação. Também será elaborado um caderno de encargos e diretivas para elaboração do projeto básico.
Barra Mantenedores 2017